6 de set de 2014

Biblioteca Viva Itinerante sai pelas ruas de Londrina

Fonte: Bonde. Data: 5/09/2014.
URL: www.bonde.com.br/?id_bonde=1-2--43-20140905
O projeto Biblioteca Viva Itinerante volta a circular por Londrina propondo histórias, trocas de livros e outras atividades. A novidade é o formato, com visitas às escolas dos bairros nas sextas-feiras, convidando a comunidade para as trocas de livros que são efetivadas aos sábados. No quarto final de semana, o projeto realiza o evento mais tradicional nas praças dos bairros, com atividades lúdicas, oficinas, pernas de pau, palhaços e trocas de livros.
Os bairros que estão sendo visitados no mês de setembro são o Jardim Tókio e o Jardim Santa Rita. No dia 5, sexta-feira, às 11h, o Carro do Livro estará na saída da Escola Municipal Nina Gardeman, no Jardim Tókyo, contanto histórias e convidando as crianças a trocarem livros. Na manhã no dia seguinte, o carro circula pelas ruas do bairro das 9h às 12h para as trocas serem efetivadas.
O mesmo roteiro será feito a partir da Escola Municipal Leonor Maestri de Held. O carro vai à saída da escola na sexta a partir das 17h, e circula pelas ruas do Jardim Santa Rita no sábado, das 15 às 18h.
Esta programação vai se repetir nos próximos dois finais de semana. Em todas as visitas, os convites para os eventos seguintes são reforçados, para garantir a participação das comunidades.
No dia 20, a Praça do Jardim Tókio, Tadao Kanyama, recebe o evento da Biblioteca Viva Itinerante das 15 às 18h. No dia 21, o evento será realizado na Praça do Jardim Santa Rita, no mesmo horário.

Daniella Fioruci Caricati, que coordena o projeto com Fernando Góes, explica que novos formatos do projeto são sempre experimentados para que atraiam cada vez mais crianças para as atividades propostas, entre elas, contação de histórias e troca de livros. Eles estão satisfeitos com o formato experimentado pela primeira vez no último final de semana. "Na sexta-feira contamos histórias nas escolas e no sábado visitamos os bairros. Foi emocionante! A criançada vinha correndo com os livros na mão. Foram mais de 50 trocas em cada bairro. Tomara que continuem assim!"

Um comentário:

Patrícia disse...

Prezado Prof. Murilo, descobri seu blog procurando na net o assunto "anuários". Sou aluna do Paulo da Terra (creio que se conhecem) e junto com meu grupo vamos fazer um trabalho sobre Introdução às Fontes de Informação e meu tema é Almanaques e anuários.
Um grande abraço,
Patrícia - aluna da ECI - UFMG.