25 de abr de 2011

Para combater a pirataria, editoras investem em livros personalizados

Fonte: O Estado de S. Paulo. Data: 24/04/2011.
Autor: Rafael Moraes Moura.

Para acabar com o xerox, obras são ''fatiadas'' e capítulos, vendidos de acordo com a demanda de universidades; economia estimada com o sistema é de 80%; biblioteca virtual universitária oferece, por meio de assinatura, acesso online a conteúdo didático
O texto completo está disponível no URL: http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20110424/not_imp710043,0.php

Um comentário:

Anônimo disse...

Agora que temos o "livro fatiado" parece que vamos entrar no "ensino fatiado"!