16 de jul de 2012

Clássico "O pequeno príncipe" resiste entre os mais vendidos


Fonte: Zero Hora (Porto Alegre, RS). Data:- 02/07/2012.
Autor: Gustavo Brigatti.
Não são vampiros que brilham no sol, nem bruxinho órfão, tampouco adolescentes com poderes divinos ou lutando contra um estado totalitário num futuro distópico. Resistindo a todo tipo de modismo, o grande hit da literatura infantojuvenil é um gurizinho loiro, algo melancólico, que adora viajar e divide o asteróide onde mora com uma rosa temperamental. Seu nome real permanece um mistério, mas por aqui ele ganhou um apelido que o tornou célebre no mundo todo: O Pequeno Príncipe. Escrito e publicado em 1943, durante o exílio norte-americano do piloto francês Antoine De Saint-Exupéry, no Brasil é impresso desde 1952. Aqui está na 48ª edição, já vendeu mais de quatro milhões de cópias e está sempre entre os 10 primeiros de sua categoria. Em 2011, fechou na oitava posição no ranking geral. No mundo, já vendeu mais de 150 milhões de cópias

Nenhum comentário: