25 de jun de 2013

Biblioteca Pública do Sergipe completa 165 anos

Fonte: Aqui Acontece. Data: 12/06/2013.
URL: http://aquiacontece.com.br/noticia/2013/06/12/biblioteca-publica-de-sergipe-festejara-165-anos-de-fundacao
No dia 16 de junho a Biblioteca Pública Epifânio Dória completa 165 anos de fundação, e para celebrar a data, a Secretaria de Estado da Cultura (SECULT), gestora da instituição, preparou uma programação toda especial que envolverá os frequentadores do local e também a sociedade sergipana em geral. A celebração acontecerá na próxima segunda-feira, 17, a partir das 15h, na própria Biblioteca, e contará com uma grande ação de incentivo à leitura e sorteio de livros doados pelos amigos da Epifânio Dória.
De acordo com a diretora da instituição, Sônia Carvalho, a Biblioteca não poderia deixar de celebrar esta data tão simbólica e especial. "Através deste evento queremos falar da importância da leitura e da biblioteca para a sociedade, e mostrar de forma mais efetiva o trabalho da Biblioteca. Além disso, teremos o lançamento do cordel de Zezé de Boquim que fala desses 165 anos da BPED", enfatiza a diretora. (...)
Histórico
A trajetória da Biblioteca Pública de Sergipe começou no dia 16 de junho de 1848, quando nasce a Biblioteca Provincial de Sergipe, em São Cristóvão. Com a mudança da capital, a biblioteca foi transferida para Aracaju, sendo chamada de Biblioteca Pública do Estado, funcionando durante muito tempo em vários locais até obter prédio próprio.
Em 30 de dezembro de 1970, com o Decreto 2.020, no governo de João Andrade Garcez, a instituição passou a se chamar Biblioteca Pública Epifânio Dória. No mesmo ano, o prédio da atual sede em que se encontra a biblioteca foi projetado e construído pelo engenheiro Geraldo Magela, inaugurado em 28 de outubro de 1974, no governo de Paulo Barreto de Menezes.
O patrono da Biblioteca é o autodidata Epifânio Fonseca Dória e Menezes, que nasceu em 7 de abril 1884, na fazenda Barro Caído, em Poço Verde. Dirigiu a Biblioteca do Estado de 1914 a 1943. Tornou-se presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe, membro da Associação Sergipana de Imprensa, da Academia Sergipana de Letras, passando por outras grandes instituições sergipanas e Venerável Mestre da Loja Simbólica Cotinguiba e do Grande Oriental do Brasil. Em 1935, foi Deputado Estadual e Secretário de Estado da Justiça, Agricultura e Fazenda.

A Biblioteca Pública Epifânio Dória, possui hoje um acervo estimado em 180 mil exemplares, distribuídos entre setores como Obras raras, Hemeroteca, Sala de Cultura Popular, Documentação Sergipana, Braille, Circulante e Acervo Geral. Além destes setores, a Biblioteca é reconhecida por suas diversas atividades culturais, tais como Rodas de Leituras, Exposições, Palestras, Seminários, Jornada de Leitura, Conversa com o Escritor, Encontros, cursos, oficinas entre outras.

Nenhum comentário: