6 de jun de 2014

Bibliotecas de Arapiraca (AL) são selecionadas pela Fundação Gates



Fonte: Aquiacontece.com.br Data: 02/06/2014.
Os projetos inovadores da rede de bibliotecas públicas de Arapiraca foram selecionados para participarem do Programa Global Libraries, que é uma iniciativa da Fundação Bill & Melinda Gates, em parceria com o Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas (SNBP) e Fundação Biblioteca Nacional.
Em todo o Brasil foram selecionados os projetos desenvolvidos nas Arapiraquinhas – as bibliotecas digitais de bairro e a Biblioteca Professor Pedro Reis, além da Biblioteca Pública do Pará e Biblioteca Pública de Taubaté, em São Paulo
O município de Arapiraca é o único em toda a Região Nordeste que foi contemplado com a participação nessa etapa do programa da Fundação Bill e Melinda Gates.
A instituição foi criada por Bill Gates, fundador e ex-presidente da Microsoft, e a sua mulher, Melinda Gates. Os fundos desta Organização sem fins lucrativos proveem de doações de privados, sendo as principais da parte de Bill e Melinda Gates e de Warren Buffet.
A fundação foi criada em janeiro de 2000 e tem a sua sede em Seatle, Washington, nos Estados Unidos, gerindo cerca de US$ 38 bilhões.
É dirigida por William H. Gates, pai de Bill Gates, e por Patty Stonesifer. Esta tem como objetivo central a melhoria das condições de vida, nomeadamente na saúde, e a luta contra a pobreza. Nos EUA a instituição pretende promover a educação e o acesso à tecnologia.
Pontos de informação
De acordo com a bibliotecária Wilma Nóbrega, o projeto consiste na formação de pontos de informação e comunicação nas bibliotecas públicas (PIC/BP).
Ela adiantou que a escolha de seleção de Arapiraca levou em conta o apoio que a prefeita Célia Rocha (PTB) e a secretária de Cultura, Tânia Santos, estão dando ao trabalho realizado nos espaços de leitura e pesquisa em Arapiraca, por meio da Secretaria Municipal de Educação.
“A iniciativa também conta com o apoio da Biblioteca Estadual”, explicou Wilma Nóbrega, acrescentando que o município será um polo multiplicador de informações para toda a região.
Para serem escolhidas pela Fundação Bill e Melinda Gates, as bibliotecas de Arapiraca conseguiram aprovação por conta da presença de acesso à internet, mais de três computadores em funcionamento, acompanhamento de bibliotecário e o apoio da administração municipal com a difusão de tecnologia, comunicação, educação e cultura, bem como o apoio do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas.
As articulações serão coordenadas pela bibliotecária Wilma Nóbrega, como parte do início do Plano Municipal de Incentivo do Livro e Leitura, fortalecendo a Plano Municipal de Cultura.
Objetivos
O Programa Global Libraries tem por objetivo melhorar o acesso público à informação em bibliotecas públicas de países em desenvolvimento.
Em 2013 foi realizada uma pesquisa pela Fundação Pensamento Digital sobre a Condição de uso e apropriação das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) pelas bibliotecas brasileiras, que apontou: ”As bibliotecas públicas são organizações integradas às políticas públicas de governo e trazem em suas missões entre outros objetivos, o acesso à informação.”
Ainda que no momento as bibliotecas brasileiras tenham foco na área cultural e na promoção da leitura, supõe-se que elas sejam potenciais centros para o desenvolvimento de formas de uso de tecnologia que proporcionem desenvolvimento ou melhoria da qualidade de vida em especial das populações menos favorecidas no Brasil.
Com a necessidade apontada na pesquisa, o Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas (SNBP) em parceria com o Instituto de Políticas Relacionais, entidade selecionada pela Bill & Melinda Gates Foundation (BMGF) para executar o projeto piloto, desenvolveram o proposta intitulada “Ponto de Informação e Comunicação (PIC) em Bibliotecas Públicas no Brasil”

Nenhum comentário: