12 de jul de 2015

Rondonópolis (MT): biblioteca pública fechada

Fonte: Tribuna de Mato Grosso. Data: 11/07/2015.
URL: www.atribunamt.com.br/2015/07/municipio-ainda-aguarda-posicao-do-estado-sobre-comodato-do-predio/

A Biblioteca Municipal central continua fechada em função de um projeto de reforma que até hoje não aconteceu. A interdição ocorreu no início do ano passado, após uma avaliação da Secretaria de Infraestrutura do Município (SINFRA), que decidiu fechar o prédio por motivos de segurança dos usuários.
Questionada sobre o assunto pela reportagem, a assessoria do Paço Municipal repassou que há trinta dias a prefeitura encaminhou o cronograma de reforma da biblioteca municipal ao governo estadual, uma vez que o prédio é de propriedade do Estado. Para viabilizar as obras, conforme a prefeitura, há a necessidade da renovação do comodato de cessão do prédio ao município. “Como já foi enviado o cronograma de reforma da biblioteca, estamos só aguardando o ok do governo do estado”, reforçou a assessoria do Paço.
Com a interdição da biblioteca central, a única biblioteca municipal que está funcionando é da Vila Operária e, mesmo assim, não possui uma estrutura adequada para inspirar a produção de conhecimento e inovação. Localizada na rua Filinto Muller, 1131, a Biblioteca da Vila Operária ainda não dispõe de climatização, informatização e acesso à internet.
VEREADOR REIVINDICA BENEFÍCIOS
Conforme foi noticiado pelo A TRIBUNA, em sua edição de quarta-feira (8), o vereador Reginaldo Santos (PPS), tem defendido junto à administração municipal a necessidade da climatização e da instalação de computadores com internet na Biblioteca Municipal “Severino da Silva”, em Vila Operária. “Entendemos que é fundamental uma biblioteca ser climatizada. Isso a tornaria muito melhor, mais confiável e atrativa para a comunidade, pois não tem nada mais desanimador que um estudante ou cidadão ir fazer uma pesquisa na biblioteca e ter que enfrentar o calor. Isso gera um desconforto e tira a concentração dessas pessoas”, argumenta o parlamentar

Nenhum comentário: