9 de ago de 2011

Depois de muito barulho, Google faz acordo na França

Fonte: The New York Times. Data: 07/08/2011.
Autor: Eric Pfanner.
A França já deu muita dor de cabeça para o Google. Os seus políticos denunciaram o gigante norte-americano da internet como uma imperialista cultural; os editores franceses a chamaram de trapaceira de copyright. Apesar disso, de repente, a França se tornou o único país no mundo onde o Google conseguiu fechar um acordo com objetivos de negócios de longo prazo. Há poucos dias o Google assinou um acordo com a editora Hachette Livre, segundo o qual dezenas de milhares de livros em francês serão tirados do “purgatório do livro impresso” e ganharão uma edição digital numa “vida depois da morte”. O Google e a Hachette, maior editora francesa, com 25% do mercado, disseram que esperam que o seu acordo sirva como modelo para uma aproximação maior. “Adoraríamos implementar acordos similares com outros editores franceses, e é algo que temos em mente quando conversamos com outros parceiros”, disse Simon Morrison, gerente de políticas de direitos autorais e de comunicações do Google em Londres.

Nenhum comentário: