4 de out de 2012

Eventos em Brasília, novembro 2012


A Sociedade da Informação inaugura uma nova era, marcada pela confluência da globalização com as tecnologias de informação e da comunicação-TICs. As profundas e rápidas transformações daí decorrentes atingem todos os setores e áreas e chegam ao cotidiano dos cidadãos, conectando tudo e todos. Esta “sociedade em rede”, como denomina o sociólogo Castells (1999), talvez seja a mais forte mudança cultural contemporânea, porque afeta “espaço e tempo, que são dimensões materiais fundamentais da vida humana” e “estão entrelaçados na natureza e na sociedade”. Nesse panorama transformador e transformado, informação e o conhecimento tornam-se protagonistas.

Nesse contexto, o setor produtivo enfrenta diretamente esses novos cenários e tendências internacionais e depende, diretamente, do monitoramento de informações internas e externas das empresas, para alcançar competitividade no mercado e atender às demandas por inovações nos seus produtos e serviços.

Os novos processos, estratégias e ferramentas gerenciais e tecnológicas para monitoramento de informações internas e externas das empresas, são objetos de estudo da Inteligência Competitiva e da Gestão do Conhecimento.

Os GECICs, iniciados em 1997, no Rio de Janeiro, e estendidos a outras capitais, tiveram como decorrência direta os Workshops Brasileiros de Inteligência Competitiva e Gestão do Conhecimento, que começaram em 1999, também no Rio de Janeiro, posteriormente oferecidos em outras capitais como Curitiba, São Paulo, Distrito Federal e Belém, onde foi realizado o 9º, em 2008.

O objetivo dos Workshops de I.C. e G.C é acompanhar a evolução do panorama nacional da área, no que diz respeito à aplicação de modelos de gestão de inteligência competitiva e à formação de recursos humanos nas empresas, de modo a contribuir para torná-las mais competitivas no mercado global e para seu crescimento sustentável.

 

Nenhum comentário: