10 de abr de 2014

Biblioteca pública comemora 105 anos

Biblioteca Pública Municipal comemora 105 anos com selo especial dos Correios

Fonte: Jornal de Uberaba. Data: 9/04/2014.

URL: /www.jornaldeuberaba.com.br/cadernos/geral/11603/biblioteca-publica-municipal-comemora-105-anos-com-selo-especial-dos-correios
Nos 105 anos da Biblioteca Pública Municipal Bernardo Guimarães, um selo comemorativo foi lançado pelos Correios, em parceria com a Prefeitura de Uberaba, em alusão à data. No primeiro momento, foram confeccionadas 120 folhas com 12 selos cada uma, a serem utilizados doravante nas correspondências do município. 
A Biblioteca foi fundada em 8 de abril de 1809. Em 1971, por força de lei municipal, no Governo de Arnaldo Rosa Prata, a Biblioteca Bernardo Guimarães tomou lugar no edifício Dr. Lúcio Mendonça de Azevedo, onde ainda permanece. Sua missão é promover o livre acesso à leitura, informação e cultura, atendendo de maneira contextualizada e qualificada à comunidade uberabense, assegurando o respeito à pluralidade étnica, ideológica e cultural e auxiliando no desenvolvimento científico e intelectual do cidadão na plenitude de sua formação.
O selo postal personalizado lançado é um selo de primeiro porte de carta comercial, válido em todas as agências postais do Brasil e é composto pela imagem da logomarca criada especialmente para as comemorações do aniversário da Biblioteca Pública Bernardo Guimarães. Para os Correios, afirma o coordenador de vendas da regional Uberaba da Empresa Brasileira, que representa cerca de 40 municípios, Reinaldo de Morais, é importante aliar-se às boas práticas, especialmente eventos culturais e educacionais, haja vista que sua finalidade não é apenas comercial.
O ato de lançamento foi conduzido pelo gerente dos Correios, João Francisco de Sousa, com a presença e participação direta do prefeito Paulo Piau, da secretária municipal de Educação e Cultura, Silvana Elias, da diretora da Biblioteca, Ivanilda Barbosa, e dos alunos-leitores Nathália Fontes Rossel e Matheus Henrique Dias Cirilo, respectivamente da Escola Municipal Uberaba e do Colégio Cenecista Dr. José Ferreira.
João Francisco expôs experiência pessoal, tendo sido frequentador da biblioteca e membro da Academia de Jovens Escritores. Ele chamou a atenção para a representatividade da Biblioteca na vida intelectual e histórica de Uberaba. “Mais que estrutura, não podemos nos esquecer da criatura humana, a essência de tudo”, completou.
O prefeito Paulo Piau entrelaçou a questão da segurança ao motivo do evento: os 105 anos da Biblioteca Municipal. E na sua fala, entremeada de dados estatísticos, passou pela importância da família para “virar o jogo” e dos bons exemplos dos gestores públicos. “A mudança depende de cada um de nós e de nossas famílias. É preciso reconstruir a sociedade. O crime cresce vertiginosamente. A droga é o centro da preocupação”, disse.
A secretária de Educação Silvana Elias considerou o momento como “ímpar”. “Falar da nossa biblioteca é falar de um mineiro arrojado e de grande importância para a literatura brasileira”, relatou, lembrando Bernardo Guimarães. A secretária também chamou a atenção dos alunos presentes para aderirem à filatelia e abriu as portas da rede de ensino para que um trabalho neste sentido possa ser efetuado pelos filatelistas da cidade junto à comunidade educacional. “Queremos os jovens se aproximando não apenas via tecnologia. O selo leva sentimento da gente, leva pessoas a pessoas e também processos históricos”, reforçou. E aproveitou para afirmar que a chegada da tecnologia não inviabilizou os livros e para admitir falhas na estrutura física da biblioteca. “Nós – eu e o prefeito Paulo Piau – não desconhecemos os problemas da estrutura causados pela chuva, mas estamos com dificuldade porque não encontramos a planta baixa da última reforma”, lamentou.

Nenhum comentário: