9 de abr de 2016

Câmara dos Deputados celebra 51 anos da profissão de bibliotecário

Fonte: Agência Câmara Notícias. Data: 1/04/2016.
URL: www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/EDUCACAO-E-CULTURA/506272-FRENTE-CELEBRA-51-ANOS-DA-PROFISSAO-DE-BIBLIOTECARIO-E-QUER-APROVACAO-DO-PLANO-NACIONAL-DO-LIVRO.html
A Frente Parlamentar Mista em Defesa do Livro, da Leitura e da Biblioteca realizou encontro, nesta quinta-feira (31), para tratar das atividades a serem realizadas em 2016. O evento, que comemorou os 51 anos de regulamentação da profissão de bibliotecário, contou com a participação de várias entidades do setor, incluindo o Conselho Federal de Biblioteconomia e o Ministério da Cultura.
Segundo os coordenadores da frente, deputado José Stédile (PSB-RS) e senadora Fátima Bezerra (PT-RN), a prioridade do grupo será a aprovação do Plano Nacional do Livro, Leitura e Literatura (PNLLL) no Congresso Nacional.
Já para o representante do Ministério da Cultura, Volnei Canônica, é preciso pensar ainda na aprovação de três projetos de lei de autoria do Senado: um que trata do Fundo Nacional Pró-Leitura (PL 1321/11); o que institui a Política Nacional de Fixação do Preço do Livro (PL 49/15) e o que institui a Política Nacional de Bibliotecas (PL 28/15).
Na visão do deputado José Stédile, um país com quase 60 milhões de analfabetos precisa incentivar mais a leitura: “Todos os países que evoluíram e transformaram sua nação foram em função do investimento na educação e na formação das pessoas. Hoje, o nosso país tem um déficit muito grande em investimento nisso. As pessoas se preocupam em investir em setores econômicos, não investem na pessoa, no ser humano, que é o bem maior da nossa nação".
Para a bibliotecária Adelaide Ramos, o encontro é importante para levar as demandas do setor para os parlamentares. "Eles fazem as leis e nós temos que cumprir essas leis. Então que essas leis sejam passíveis de serem cumpridas em benefício da sociedade, para que o cidadão tenha ao seu alcance a leitura na hora que ele precisa, e onde ele precisado acesso ao livro, a leitura e ao conhecimento."

Durante o encontro, também foram lançados os livros "Contextos Formativos e Operacionais das Bibliotecas Escolares e Públicas brasileiras" e "Bibliotecários: 50 anos de regulamentação da profissão no Brasil"

Nenhum comentário: