9 de fev de 2012

Número de atendimentos das bibliotecas do SESI crescem 79,48%

Fonte: Jornal do Povo (Três Lagoas, MS). Data: 2/02/2012.
URL: www.jptl.com.br/?pag=ver_noticia&id=46514
O número de atendimentos das 30 bibliotecas da Indústria do Conhecimento do SESI instaladas em 26 municípios de Mato Grosso do Sul aumentou em 79,48% no ano passado com relação ao ano retrasado, saindo de 81.446 para 146.176 atendimentos, entre serviços de consultas de livros, pesquisa no acervo e nos computadores com acesso à Internet, cursos gratuitos de Educação Continuada e “Hora do Conto”. A informação é da coordenação de educação do SESI, que prevê para este ano a manutenção dessas ações e a implantação do empréstimo de livros pelos usuários das bibliotecas.
Segundo a coordenadora da área de educação do SESI, Simone de Figueiredo Cruz, o crescimento do número de atendimentos é reflexo do trabalho já realizado pelas monitoras nas bibliotecas da Indústria do Conhecimento. “Neste ano que se inicia, com a disponibilidade do empréstimo do acervo das bibliotecas, esperamos que a população possa aproveitar melhor o movimento de circulação dos exemplares. Além disso, os monitores vão prosseguir com as ações de educação dos usuários, além de projetos que veiculam a cultura e a leitura”, pontuou.
Ela ressalta que antes as bibliotecas esperavam o usuário, hoje o monitor vai até a escola, até o centro comunitário, associação de bairro e apresenta a proposta. “Assim realizamos trabalhos diferenciados de acordo com a realidade de local, ações voltadas para os idosos, para crianças com Síndrome de Down, para citar alguns exemplos”, contou. Atualmente, as 30 bibliotecas estão distribuídas entre Campo Grande (3), Dourados (2), Três Lagoas (2), Corumbá, Sidrolândia, Aquidauana, Campo Grande, Ponta Porã, Nova Andradina, Rio Verde, Naviraí, Costa Rica, Iguatemi, Bataguassu, São Gabriel do Oeste, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Maracaju, Paranaíba, Inocência, Chapadão do Sul, Amambai, Aral Moreira, Sete Quedas, Aparecida do Taboado, Água Clara e Terenos.
Ações
Em 2011, os monitores das 30 bibliotecas da Indústria do Conhecimento do Sesi realizaram diversas ações que reafirmaram os espaços como fábricas de cidadania. Um exemplo, segundo a bibliotecária Josiane Oliveira, que dá suporte à gestão das unidades no Estado, é o trabalho desenvolvido em Ribas do Rio Pardo com os idosos do Centro de Convivência. “Uma nutricionista e uma professora de educação física fizeram palestras com informações sobre alimentação saudável e recomendável para os idosos, funcionamento do corpo e procedimentos para preservar a saúde, ensinando exercícios de alongamento e de postura. Foi também uma ótima oportunidade de aproximar os idosos da leitura de poesias”, contou. (...)

Nenhum comentário: